ROFF abre nova filial em Macau e viabiliza contrato com multinacional suíça

ROFF abre nova filial em Macau e viabiliza contrato com multinacional suíça

A ROFF, empresa líder no mercado português na implementação de soluções SAP, anunciou por ocasião da inauguração das suas novas instalações, em Lisboa, pelo Ministro da Economia e do Emprego, Álvaro Santos Pereira, a abertura de uma nova filial em Macau e a viabilização de um novo contrato assinado com a multinacional suíça Givaudan, o maior produtor mundial de aromas e fragrâncias, que consolida a sua posição como o maior cliente da empresa portuguesa.

A aposta estratégica no mercado asiático, e, particularmente, em Macau, tem essencialmente a ver com a experiência adquirida, durante os últimos anos, em projetos desenvolvidos em Singapura, Indonésia, Malásia, e China. Para além disso, esta nova localização, pelas ligações históricas a Portugal, beneficia de condições favoráveis para as empresas portuguesas num mercado em forte expansão e com inúmeras oportunidades para o desenvolvimento de soluções de negócio.

O investimento nesta nova filial vem reforçar a estratégia de internacionalização da empresa, que espera faturar cerca de 1,5 milhões de euros no primeiro ano de atividade no mercado chinês. Neste momento, a ROFF Macau dispõe de uma equipa fixa de 10 consultores, com perspetiva de crescimento no curto prazo com a deslocação de mais recursos Europeus e contratação local.
 

"Tendo em consideração a qualidade e boa aceitação do capital humano português, podemos ser bastante competitivos no mercado asiático que denota um previsível crescimento da procura de soluções SAP. Além disso, acreditamos que este investimento é um importante contributo para o aumento do volume de exportações das empresas nacionais. Estamos muito satisfeitos por continuar a trabalhar com a Givaudan e acreditamos que está será uma relação que irá perdurar no tempo."

Francisco Febrero, CEO da ROFF

Quanto ao acordo firmado com a multinacional suíça, o maior contrato de sempre assinado pela ROFF, inclui a manutenção de um sistema integrado de gestão que permite à empresa otimizar os seus processos de negócio e sustentar o crescimento estratégico do grupo. O projeto irá prolongar-se por um período de 3 anos.

Desde o início da sua internacionalização em 2006, a ROFF, tem vindo a desenvolver operações em diversos mercados internacionais, como a Suíça, Noruega, Polónia, EUA e um conjunto de regiões igualmente estratégicas como o Médio Oriente e América do Sul. Neste momento, mercado externo representa já 54 por cento do seu volume de negócios, o que justificou a contratação de cerca de 60 novos colaboradores em 2012.

Para além dos escritórios em Lisboa, Porto e Covilhã, a ROFF conta atualmente com seis filiais internacionais: O estratégico mercado de Macau, para onde se desloca agora, São Paulo onde a empresa entrou em abril de 2012, Luanda, Paris, Estocolmo e Casablanca.